segunda-feira, 30 de junho de 2014

Dia de História: Goleiro Barbosa no Bonsucesso em 1957.



Jornal Diário da Noite.
Jogo: Bangu x Cesso.
Passados sete anos da trágica decisão do dia 16/07/1950 entre Brasil e Uruguai, Moacir Barbosa Nascimento, ou simplesmente Barbosa, defendeu o Bonsucesso no Campeonato Carioca de 1957.

Barbosa nasceu em Campinas (SP) no dia 27/03/1921 e começou sua carreira no mundo do futebol como ponta esquerda no extinto Comercial de São Paulo. Chegou ao Ypiranga (SP) como goleiro e transferiu-se para o Vasco da Gama em 1944. Durante sua carreira e vida “carregou uma cruz” pelo gol que tomou de Ghiggia na final da Copa de 50.

Goleiro de grandes conquistas pelo Vasco e Seleção Brasileira, Barbosa foi Campeão Sul Americano de clubes em 1948 e Campeão da Copa América em 1949.




 Barbosa, posa ao lado de Bibi e Gonçalo, craques do timaço do Cesso de 1955. 
Foto publicada no Blog Álbum dos Esportes.

No Bonsucesso, iniciou a temporada de 1957 do Campeonato Carioca pelo Torneio Início. O primeiro jogo foi contra o America, 14/07. No tempo normal 0 x 0. Decisão nos pênaltis: 3 a 2 para o Cesso. A ficha técnica da partida:

Bonsucesso 0 x 0 América (14/07)
Árbitro: Pedro Morais Sobrinho.
Decisão nos pênaltis: Bonsucesso 3 x 2.
Batedores: Nilo (Bonsucesso) e Romeiro (América).
Bonsucesso: Barbosa; Bibi e Mauro; Gilberto, Eli e Carvalho; Sérgio, Valdemar, Nonô, Edil e Nilo.
América: Pompéia; Edésio e Edson; Aílton, Hélio e Maneco; Canário, Romeiro, Paulo, João Carlos e Meireles.

 Ernani (goleiro do Bangu) e Barbosa (Bonsucesso). Ernani foi reserva de Barbosa no Vasco. Foto: Jornal Diário da Noite.

O primeiro jogo do Campeonato Carioca foi contra o Botafogo nas Laranjeiras com vitória para o clube da estrela solitária por 3 a 1. Os grandes momentos para Barbosa no campeonato são os jogos contra o Vasco, 18/08 e o Fluminense, 12/10 (aniversário do Cesso). Em General Severiano, contra o Vasco, e no Maracanã, contra o Fluminense, o veterano goleiro não saiu derrotado. As fichas técnicas destes jogos:

 Somente o pênalti passou por Barbosa. 
Foto: Jornal Correio da Manhã. Jogo: Cesso x Vasco.

Bonsucesso 1 x 1 Vasco Da Gama (18/08)
Local: General Severiano
Árbitro: Frederico Lopes
Renda: Cr$ 247.284,00
Gols: Pinga (pênalti), 35 e Gilberto, 51.
Expulsões: Mauro e Bellini
Bonsucesso: Barbosa, Bibi e Mauro; Valdemar, Eli e Gonçalo; Jair, Gilberto, Nonô, Brandãozinho e Bira.
Vasco Da Gama: Carlos Alberto, Paulinho e Bellini; Laerte, Orlando e Coronel; Lierte, Livinho, Roberto Pinto, Walter e Pinga.

 No Maracanã, defendendo o Bonsucesso. Foto: Jornal Diário da Noite. 
Jogo: Fluminense x Cesso.

Fluminense 1 x 1 Bonsucesso (12/10)
Local: Maracanã
Árbitro: Gualter Gama de Castro
Renda: Cr$ 138.842,00
Público: 5.449
Gols: Jair, 45 e Léo, 73
Fluminense: Castilho, Cacá e Pinheiro; Jair Santana, Clóvis e Paulo; Telê, Léo, Valdo, Róbson e Escurinho.
Bonsucesso: Barbosa, Bibi e Jorge David; Gilberto, Valdemar e Santoro; Jair, Geraldo, Nonô, Délson e Nilo.


  Barbosa, Gradin e Almir. Foto: NetVasco.

Em 1958, Barbosa voltou para o Vasco da Gama e sob o comando de Gradin (ídolo e maior artilheiro do Cesso) conquistou os títulos do Rio-São Paulo e o Super Campeonato Carioca. O grande goleiro faleceu no dia 07/04/2000 em Praia Grande (SP).

Emoção no Centenário do Cesso. Teresa Borba recebe a homenagem do Cesso das mãos do Presidente Zeca Simões. Foto: Raffa Tamburini.

Na festa do Centenário do Bonsucesso, Barbosa foi homenageado como um dos cem maiores atletas que vestiram a camisa Rubro-Anil. A sua filha, Teresa Borba, compareceu a cerimônia e sob forte emoção recebeu os aplausos dos torcedores e convidados.

Fontes: Wikipédia, Blog do Marcão, Blog Álbum dos Esportes, Jornais Diário da Noite e Correio da Manhã (Hemeroteca Digital da Biblioteca Nacional).

3 comentários:

  1. Olá George, em que estadio ocorreram estas partidas pela Taça de Prata de 1983:
    20/02/1983 Bonsucesso 1x3 Operário-MS
    30/01/1983 Bonsucesso 2x4 Guarani

    Obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bonsucesso 1 x 3 Operário MS: Caio Martins/Niterói.
      Bonsucesso 2 x 4 Guarani: Moça Bonita/Bangu.
      Obrigado pela visita. Abração.

      Excluir
  2. Em 1957 jogou o zagueiro Eli do Vasco e da seleção

    ResponderExcluir